Goiânia: Polícia desmonta quadrilha que aplicava golpes pela internet

maio 09, 2019

A Polícia Civil apresentou nesta quinta-feira, dia 9, os resultados da Operação Hermes, que desarticulou uma associação criminosa responsável por aplicar golpes por meio de um aplicativo de compra e venda pela internet, o OLX.

Os suspeitos teriam causado R$ 300 mil de prejuízo às vítimas.

De acordo com as investigações, o líder do grupo era Antônio Carlos Godoy de Paula, que estava detido no Complexo Prisional de Aparecida de Goiânia e morreu em abril deste ano.

Ele se passava por médico, dentista e empresário para enganar os anunciantes do aplicativo, se dizia interessado no produto e marcava um encontro para verificá-lo antes da suposta compra.

Como estava detido, o homem alegava compromissos emergenciais e, por isso, enviaria uma familiar em seu lugar. 

Cinco mulheres se revezavam no esquema para avaliar os produtos. “As comparsas eram levadas por um motorista até o ponto de encontro. De lá, elas ligavam para o chefe do grupo e diziam se estava tudo em ordem com o objeto anunciado. Antônio falsificava um comprovante de depósito e enviava às vítimas, que, acreditando na veracidade do documento, acabavam entregando as mercadorias”, explica o delegado Anderson Pimentel, do 17º Distrito Policial.

Os policiais apuraram, ainda, que os produtos eram revendidos por valores abaixo dos preços de mercado. Os objetos escolhidos pelo grupo eram smartphones avaliados entre R$ 3 mil e R$ 5 mil, além de joias e animais de estimação.

Foram detidos Ana Carolayne Rodrigues dos Santos – esposa do líder do grupo -, e Chrisley Ferreira Santos. Três mulheres já foram identificadas e estão foragidas. Outra mulher também é investigada pela polícia.
Mais informações: (62) 3201-1027
Fonte: Comunicação Setorial Secretaria de Segurança Pública
__________



Para ver mais vídeos do Canal da Lucieni, se inscrevam:
Próxima Postagem
« PRÓXIMA
Postagem Anterior
ANTERIOR »

Deixe seu Comentário: