Banner

Senador Canedo: “Maio Amarelo” conscientiza e alerta sobre riscos de descumprir legislação de trânsito


A SMT colocou sucatas de veículos, oriundas de acidentes, em locais estratégicos da cidade para alertar sobre o risco de descumprir a legislação de trânsito

Quem anda por Senador Canedo encontra vários veículos, que tiveram perda total em acidentes de trânsito, expostos em locais estratégicos. As sucatas fazem parte do Movimento Maio Amarelo, realizado em todo o país, com o intuito de provocar e mobilizar a sociedade por meio da conscientização, levando os motoristas a uma reflexão sobre as consequências e riscos de uma condução sem os cuidados indispensáveis no trânsito.

A Secretaria Municipal de Segurança Pública de Senador Canedo – SSPMU, por meio da SMT, são os responsáveis pelo Movimento de conscientização realizado no município. Diversos seguimentos também estão envolvidos na campanha, com a realização de palestras em empresas, blitz educativa, e outras ações realizadas durante todo o mês de maio.

Como o próprio nome já diz, o movimento é simbolizado por um laço na cor amarela e cada ano é trabalhado um tema diferente, relacionado ao trânsito. Neste ano o tema escolhido foi “Respeito e Responsabilidade, pratique no trânsito”. O Movimento não tem um dono, ele é de toda a sociedade e isso dá o direito de ser trabalhado em qualquer lugar. Empresas, repartições públicas, escolas, podem participar, sempre com o laço amarelo para induzir a reflexão do assunto, que mata aproximadamente 40.000 pessoas todos os anos.

Para o gerente de trânsito da SMT de Senador Canedo, Pedro Santos, a exposição dos carros pela cidade faz com que o cidadão reflita sobre o assunto. “Queremos acreditar que, a longo e médio prazo, os resultados cheguem”, disse.


Pedro explica que os veículos batidos, que ficam expostos em pontos chaves das ruas e avenidas do município, despertam a atenção dos motoristas que passam pelos locais. Isso gera debate e conscientiza o condutor. “As câmeras de videomonitoramento flagram muitos motoristas passando devagar, outros param e descem para olhar os veículos batidos. Até mesmo em palestras o pessoal comenta sobre o que deve ter acontecido com aquele veículo” finalizou Pedro. Via Dicom



Participe do nosso grupo no WhatsApp: https://chat.whatsapp.com/9RCK2Z3EOPK0eLNHnFkpxl Conteúdo e Notícias de Senador Canedo

Acesse nosso grupo no WhatsApp: https://chat.whatsapp.com/JBJD6YZE0scBGAqHecmyD6
Conteúdo e Notícias
Leia a descrição

Inscreva-se



Instagram Siga nosso Instagram  

Curta a FanPage

Postar um comentário

Comentários