Banner

Mostra Internacional de Dança Contemporânea acontece ao longo de duas semanas a partir desta quinta

Corpo de Dança do Amazonas

Mostra de dança convida nove grupos, sendo três internacionais. Neste ano evento será híbrido, com apresentações virtuais e presenciais


Ao chegar à sua 10ª edição, o evento de dança mais esperado pelo público goiano se adapta às necessárias precauções sanitárias contra a Covid-19 e entre os dias 4 e 15 de novembro o Paralelo 16º apresentará nove espetáculos cênicos, nacionais e internacionais. Além disso, será apresentado o resultado de duas oficinas de dança oferecidas pela mostra.

Entre as atrações internacionais estão o grupo Modern Table (Coreia do Sul), apresentando “Ham:Beth”; Art Project BORA (Coreia do Sul) trazendo aos palcos “Somoo” e Ederson Xavier, vindo da Holanda, apresentará “Things are Perfect & 12”.

As apresentações internacionais serão transmitidas no YouTube da mostra, respectivamente, nos dias 6, 14 e 15 de novembro às 20h.

Duas apresentações serão realizadas presencialmente no Teatro Goiânia: o aplaudido "Estou Sem Silêncio", da Quasar, no dia 5 de novembro, às 20h; e "Fica Comigo", que tem sua ESTREIA NACIONAL. O espetáculo, que é um INFANTIL, é o mais novo trabalho do Ateliê do Gesto, que será apresentado pela primeira vez em Goiânia no dia 7 de novembro, às 17h. Os dois espetáculos também poderão ser acompanhados virtualmente. As demais apresentações serão transmitidas de forma exclusiva pelo YouTube e pelo Vimeo.

Para as apresentações do Teatro Goiânia os ingressos serão trocados por dois tipos de kit com alimentos não perecíveis (a descrição está abaixo), na bilheteria do Teatro Goiânia, com antecedência de duas horas. As demais atrações serão gratuitas. Duas das transmissões contarão com audiodescrição, oferecendo acessibilidade ao público de pessoas cegas ou com baixa visão.

Neste ano o projeto conta com recursos do Fundo de Arte e Cultura de Goiás. O Paralelo 16º é uma realização da Quasar Cia de Dança e da Associação Quasar de Cultura.

Novo de novo

A última edição do Paralelo 16º aconteceu no ano de 2018. Naquela ocasião, os espetáculos ocuparam teatros, ruas e bares, surpreendendo passantes distraídos, com cenas aéreas e ocupações de espaços pouco usuais para a cena artística. Já em 2021, assim como tantos projetos culturais, o espaço que podemos e devemos ocupar é o do mundo virtual.

Apesar dos motivos que trazem a mostra para este formato, esta nova modelagem cênica proporcionou ao Paralelo 16º alguns reencontros. Entre eles, a participação do Grupo Cena 11, de Florianópolis/SC, que esteve em uma das primeiras edições. Ele retorna à mostra por meio das telas dos computadores, no dia 12 de novembro, com uma obra recém criada, "Matéria Escura", de forma exclusiva para a audiência do Paralelo 16.

De volta à sua terra natal de forma virtual o intérprete-criador Ederson Xavier já fez parte das primeiras formações da Quasar Cia de Dança, ainda na década de 1990, e hoje realiza seu trabalho de dança na Holanda.

Por outro lado, o Paralelo 2021 irá garantir cenas inéditas, como as do Corpo de Dança do Amazonas, de Manaus, que apresentará "TA: Sobre Ser Grande" ao vivo, do Teatro Amazonas, no dia 4 de novembro às 19 horas.

Giro 8 Cia. de Dança (GO) se junta às companhias que vão mostrar seus trabalhos virtualmente apresentando “Teia” no dia 11 de novembro. O Grupo Corpo, de Belo Horizonte/MG, também garante novidade apresentando "Gira" no dia 13 de novembro. Essas transmissões serão às 20 horas.


A formação profissional ainda mais paralela


Um ponto forte desta edição são as oficinas. A oficina “Autorretrato – Como tornar visível o invisível” foi ministrada por dois grandes artistas: Lavínia Bizzotto, coreógrafa e diretora de movimentos, que iniciou sua carreira na Quasar Cia de Dança e que hoje reside no Rio de Janeiro. Lavínia dividiu a batuta com o artista visual/pintor/fotógrafo/videomaker/bailarino Alexandre Maia.

A segunda oficina, também de composição, se chama "A arte de mover”, e está sendo ministrada pela bailarina-criadora Gabriela Leite. Natural do Rio de Janeiro, Gabriela já dançou em grupos como Nós da Dança, Laso Companhia de Dança e Focus Companhia de Dança, sendo que desde 2018 integra o elenco da Quasar Cia. de Dança. As aulas da Gabriela acontecem até esta quarta-feira, 03 de novembro, pelo Zoom.

O resultado final das duas formações será a composição de dois trabalhos de videodança. Essas criações inéditas também serão transmitidas pelo YouTube do Paralelo 16º - Mostra Internacional de Dança Contemporânea, na quarta-feira, 10 de novembro, às 20h.


Paleta Mundial em Paralelo


De acordo com Vera Bicalho, diretora e idealizadora do Paralelo 16º, a Mostra de Dança Contemporânea, que nasceu no ano de 2005 e que se tornou uma das principais agendas de dança e das artes cênicas do Estado, busca atingir os mais diversos públicos, incluindo os profissionais de dança de Goiás, que sempre tiveram a oportunidade de conviver com grupos e artistas das mais diversas partes do mundo.

Segundo Vera, uma das vantagens de realizá-lo por meios digitais de comunicação, é a possibilidade de atingir ainda mais pessoas, das mais diversas regiões do planeta. Isto, na perspectiva da diretora, de certa forma democratiza o acesso aos bens culturais que o evento traz para esta paleta de composições cênicas, escolhida sempre de forma consciente e lúcida, para oferecer ao público um caleidoscópio de linguagens e possibilidades artísticas.

Perspectivas pós-pandêmicas e o fomento à cadeia produtiva

Sobre as circunstâncias do novo Paralelo, Vera reflete: “Em um mundo pós-pandêmico, acreditamos que novas linguagens cênicas devem surgir, baseadas justamente nestas novas relações virtuais, nascidas da necessidade de distanciamento social. Para nós, a arte sempre se renova e sempre reflete o mundo psicossocial em que estamos vivendo, e só ela é capaz de ressignificar essas relações. Por isso mesmo, garantir a continuidade do Paralelo 16, mesmo que de forma virtual, traz à tona mais esse debate e mais e novas possibilidades de criação”.

A diretora ainda reafirma a importância da mostra para a cadeia produtiva da dança: “O fato de selecionarmos criações que fazem parte dos repertórios desses grupos e artistas garante que o Paralelo 16 continue sendo um fomentador da cadeia produtiva da dança, criando uma agenda de trabalho para estes profissionais, tão afetados neste período de pandemia”.

Confira a programação:

04/novembro – 21h - AO VIVO do Teatro Amazonas (COM PLATEIA NO TEATRO)
Grupo: Corpo de Dança do Amazonas - Espetáculo: TA | Sobre ser grande - YouTube

05/novembro – 20h – Local: Teatro Goiânia
Grupo: Quasar Cia. De Dança (GO) - Espetáculo: Estou sem silêncio

06/novembro – 20h – Modern Table (Coréia do Sul) - Espetáculo: Ham:Beth - YouTube

07/novembro – 17h – Local: Teatro Goiânia
Grupo: Ateliê do Gesto (GO) - Espetáculo: Fica comigo

10/novembro – 20h – Transmissão dos trabalhos de videodança das Oficinas - YouTube

11/novembro – 20h - Grupo: Giro 8 Cia. de Dança (GO) - Espetáculo: Teia - YouTube

12/novembro – 20h - Grupo: Cena 11 Cia. de Dança (SC) - Espetáculo: Matéria Escura
Plataforma: VIMEO

13/novembro – 20h - Grupo Corpo (MG) - Espetáculo: Gira - YouTube

14/novembro – 20h - Grupo: Project Art Bora (Coréia do Sul) - Espetáculo: Somoo - YouTube

15/novembro – 20h - Ederson Xavier (Holanda) - Espetáculo: Things are perfect & 12 - YouTube

INGRESSOS: Serão trocados por alimentos não perecíveis, na bilheteria do Teatro, com 2 horas de antecedência. Os alimentos obrigatórios para troca são:

kit 1: 2kg de arroz + 1kg de feijão + 1 material de limpeza ou higiene pessoal; ou

kit 2: 2kg de feijão + 1 pacote de macarrão + 1 material de limpeza ou higiene pessoal.

O material arrecadado será destinado a profissionais das artes em situação de vulnerabilidade pela falta de trabalho durante a pandemia. O teatro Goiânia está trabalhando com 50% da capacidade de público com cadeiras alternadas.

Por Ana Paula Mota - Assessora de Imprensa



Acesse nosso grupo no WhatsApp: https://chat.whatsapp.com/JBJD6YZE0scBGAqHecmyD6
Conteúdo e Notícias
Leia a descrição

Inscreva-se



Siga nosso Instagram  

Curta a FanPage

Postar um comentário

Comentários