Banner

⠀

Butanvac: A Vacina de São Paulo


Em 28 de abril se comemora a data de aniversário de Vital Brasil, que foi médico, sanitarista e cientista brasileiro de renome internacional preocupado com a saúde pública 

Vital Brasil foi o responsável pelo método mais eficaz de neutralização de veneno com a criação do soro antiofídico e a fundação do Instituto Butantã em 1901 na cidade de São Paulo. Neste dia, 28 de abril de 2021, o Governador do Estado de São Paulo João Dória fora recebido pelo diretor do Instituto, o Drº Dimas Covas, para anunciar a fabricação da vacina Butanvac.

A produção da vacina contra a Covid-19 com insumo e tecnologia totalmente brasileira tem o mesmo processo em que usa ovos embrionados para a fabricação da vacina contra os vírus Influenza, ou seja, com a inoculação do vírus e incubação em ovos de galinha para a multiplicação e posteriores estudos a fim de obter a produção das vacinas.

Os estudos para a fabricação desta vacina com tecnologia independente de insumos importados começou em março de 2020, e de acordo com o Cientista Dimas Covas muitos, inclusive pares da ciência, não acreditaram que seria possível tal feito. Mas a perseverança através de estudos científicos tornou real, sendo facilitado pela expertise existente, bem como o pátio de fabricação, para que o povo brasileiro possa contar com esta vacina nacional.

Contudo a partir de 28 de abril, começou a primeira fase de produção de 1 milhão de doses da referida vacina, com o propósito de encerrar esta fase com a fabricação de 18 milhões até a primeira quinzena de junho e totalizando no mínimo 40 milhões até o final do segundo semestre.

João Dória ressaltou a importância do laboratório Butantã e toda a sua história de 120 anos de tecnologia, de ciência e de resultados e, portanto precisa ser respeitado. Bem como diante da tragédia e do drama de 400 mil mortes é preciso que a ANVISA (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) seja mais solidária, menos burocrata e que tenha senso de urgência para a aprovação da Butanvac.

#UseMáscara #DistanciamentoSocial #UseAlcoolEmGel #VigieAAgulha

Artigo por Antonio Oliveira

Postar um comentário

Comentários