Montividiu: Ocorrência se complica e suspeito acaba morto

setembro 18, 2019

Por volta de 21:30h desta segunda-feira, 16, as viaturas 10927 e 11017 do batalhão da Polícia militar rural em operação na cidade de Montividiu, Parque Beira rio, após realizarem averiguação em 3 caminhões gaiola de transporte de gado, próximo a GO-174, se depararam com individuo que caminhava pela via em atitude suspeita

As viaturas se aproximaram do individuo, a viatura do CPU, Sgt. Devalmir, passou devalgar pelo suspeito observando suas reações pelo retrovisor, quando a segunda viatura aproximou-se e indagou o que ele portava na cintura, o suspeito ignorou, sacou uma faca de aproximadamente 20 cm da cintura e começou a correr.

As equipes desembarcaram dando ordem de parada e para que ele soltasse a faca, o que foi ignorado, na fuga o suspeito pulou o muro de uma residência onde se encontravam mulheres e crianças.

Os militares adentraram na residência e avistaram o suspeito no fundo do lote com a faca na mão, mais uma vez foi proferida a ordem para que ele soltasse a faca, mas o mesmo saltou o muro para o lado de fora.

Nesse momento parte da equipe que estava fora da residência fazendo o cerco se deparou novamente com o suspeito que foi em direção a um dos policiais, Soldado Rayne, com a faca em punho, com a intenção de tomar sua arma de fogo.

O policial e o agressor entraram em luta corporal, o policial foi ferido na mão com a faca, tendo seu coldre arrancado de seu cinto de guarnição.

O agressor seguiu tentando fugir, sendo perseguido pelos outros policiais que a todo tempo ordenavam que ele soltasse a arma branca.

Duas quadras abaixo, o suspeito entrou em outra residência com a faca em punho, gerando pânico nos moradores que indicaram o local onde o mesmo havia se escondido.

Os militares adentraram a residência, nesse momento o suspeito partiu rapidamente em direção a outro militar com a faca, novamente os policiais ordenaram para que ele parasse e soltasse a faca, aproveitando-se desse momento o suspeito novamente fugiu, sendo perseguido pelos PMs.

Mais duas quadras depois os policiais alcançaram o individuo, que insistia em dizer não aos pedidos dos policiais para que soltasse a faca, o suspeito voltou a atacar os policiais, desferindo golpes de faca no Soldado Henrique, que se defendeu com o braço, mas acabou sendo atingido por uma facada.

Nesse momento o Soldado Henrique efetuou os primeiros disparos na perna do agressor, porém mesmo ferido ele continuou atacando a guarnição com a faca em punho.

Um segundo disparo foi efetuado atingindo o criminoso na mão, mas ainda assim, ele continuou agressivo investindo contra os policiais com a faca, sendo necessário efetuar mais disparos com a intenção de cessar a injusta e iminente agressão, desta vez o agressor foi atingindo na região do tórax, e mesmo ferido continuava em direção a equipe policial demonstrando bastante agressividade.

Os policiais militares tiveram que efetuar mais disparos, em seguida o criminoso caiu no chão ferido mas ainda com a faca na mão, só que dessa vez sem condições de reação.

A guarnição chamou o socorro médico, o Samu não estava disponível, assim foi solicitado o apoio da ambulância do posto médico local, ao chegar o socorro o agressor já estava sem vida, sendo constatado que o suspeito já não apresentava sinais vitais.

O comando do batalhão rural foi informado do fato e os policiais feridos foram atendidos no hospital da cidade, o Soldado Henrique foi submetido a procedimento cirúrgico em virtude do corte profundo sofrido, eles passam bem.


O Agressor era Manoel Lopes da Costa, conhecido como preto (foto acima), tinha 44 anos e alguns antecedentes criminais: Lesão corporal, injúria, ameaça, violência doméstica.


Inscreva-se


TWITTER

InstagramSiga nosso Instagram

Curta a FanPage
Próxima Postagem
« PRÓXIMA
Postagem Anterior
ANTERIOR »

Deixe seu Comentário: