Preço da gasolina no Centro-Oeste fica acima da média nacional

novembro 03, 2018
Médias de preços
Em setembro, combustível teve litro comercializado pelo preço médio de R$ 4,886, ante R$ 4,777 no País

Em setembro, o Índice de Preços Ticket Log (IPTL) apontou uma alta nos valores praticados nos combustíveis comercializados em toda a Região Centro-Oeste. Nesse mês, a gasolina da região foi encontrada a R$ 4,886 o litro, acima da média brasileira, de R$ 4,777, quando considerados todos os 18 mil postos credenciados no País.

A gasolina também é mais cara em Goiás e no Mato Grosso, onde a média do litro ficou em R$ 4,899. Os preços nestes Estados tiveram aumento de R$ 0,15 e R$ 0,19, respectivamente, em relação ao encontrado em agosto. Já o etanol mais caro foi encontrado no Mato Grosso do Sul, a R$ 3,350, uma alta de 3,9% em relação ao último levantamento.


"No Mato Grosso, vimos um aumento de quase R$ 0,30 no valor do etanol, uma das maiores variações do período. Mesmo assim, é onde esse tipo de combustível é o mais barato da região", explica o Diretor-geral de Frota e Soluções de Mobilidade da Edenred Brasil, Jean-Urbain Hubau (Jurb).

No caso dos Estados onde a gasolina tem o maior preço médio, o etanol aparece como alternativa viável e mais em conta ao combustível. "O consumidor ou o gestor de frotas pode calcular a viabilidade entre gasolina e álcool. Certamente, se os veículos forem flex, o etanol é a escolha a ser feita na hora do abastecimento", completa Jurb.
__________

Inscreva-se


TWITTER           InstagramSiga nosso Instagram

Curta a FanPage
Próxima Postagem
« Próxima
Postagem Anterior
Anterior »

Comente com o Facebook: