Anápolis: Mulher vai depor e acaba sendo presa

março 21, 2018
Daniela Batista fingiu ser Gabriela Batista, sua irmã gêmea
A Central de Flagrantes da Polícia Civil de Anápolis prendeu Daniela Batista, 24 anos, na segunda-feira (19). Ela compareceu à unidade para depor na condição de testemunha durante a lavratura de um procedimento policial e apresentou-se com o nome de Gabriela Batista, que na verdade é o nome de sua irmã gêmea.

Após ser identificada pelo papiloscopista Murillo Martins Toledo, os policiais civis, coordenados pelo Delegado Ariel Martins, buscaram mais informações sobre Daniela e encontraram um mandado de prisão em desfavor dela, em razão de ter sido condenada por crime de roubo expedido pela Comarca de Goiânia.

Assim, Daniela foi autuada pelo crime de falsa identidade (art. 307 do Código Penal). O mandado de prisão foi cumprido e ela foi encaminhada para a unidade prisional de Goiânia.

Por: Allyson Lula
Post: Lucieni Soares

Próxima Postagem
« Próxima
Postagem Anterior
Anterior »

Comente com o Facebook: