Uso do Cupom Fiscal só vale até 31 de dezembro

dezembro 09, 2017

A Secretaria da Fazenda alerta os contribuintes do Simples Nacional que em 1º de janeiro de 2018 devem emitir a Nota Fiscal Eletrônica do Consumidor (NFC-e), arquivando de forma definitiva o bloco de nota fiscal de venda ao consumidor modelo 2 e o Cupom Fiscal (ECF). A exigência consta da Instrução Normativa 1278, de 2016, e não haverá prorrogação no prazo. Dessa forma, os contribuintes têm só mais este mês para se preparar para a emissão do novo documento fiscal.

A exigência da NFC-e começou a vigorar em janeiro de 2017 para o comércio varejista de combustível e lubrificantes e em julho deste ano, para os demais contribuintes, com exceção do Simples. Agora chegou a vez das micros e pequenas empresas optantes do Simples Nacional. São aproximadamente 80 mil empresas.


O Emissor de Cupom Fiscal passará a ser documento fiscal inválido para as operações fiscais, com a adoção da NFC-e em janeiro e o contribuinte ficará sujeito à penalidades e ao pagamento de multas se insistir em usar o ECF. Os blocos de notas fiscais não utilizados pelos contribuintes devem ser entregues nas Delegacias Fiscais da circunscrição dos empresários. O alerta é da Coordenação de Documentos Fiscais da Superintendência de Informações Fiscais.

Fonte: Comunicação Setorial - Sefaz

>>POSTAGEM ANTERIOR<<
__________


Blog O Centroeste
ENVIE SUA SUGESTÃO DE PAUTA OU DENÚNCIA: faustocm28@gmail.com

Anuncie Conosco
Trabalhamos com Assessoria Comunicação, Cobertura Fotográfica & Jornalística
Publicamos Editais, Editoriais, Publieditoriais, artigos e notas
http://www.ocentroeste.com.br/p/contato_4.html

Inscreva-se


TWITTER

InstagramSiga nosso Instagram

Curta a FanPage
Próxima Postagem
« Próxima
Postagem Anterior
Anterior »

Comente com o Facebook: