Banner

Influencer de Anápolis fala sobre post polêmico


Questionamento feito pela influencer ganhou imediata repercussão

Aos 23 anos a digital influencer Lisa Paulino teve sua primeira postagem de repercussão nacional feita neste fim de semana. Entretanto, os efeitos públicos de um vídeo de apenas sete segundos não foram positivos. Nele, Lisa aparece fazendo um questionamento e uma afirmação: “Você conhece alguma pessoa com Covid? Eu não conheço, então… eh!”.

A repercussão foi imediata. O vídeo ultrapassou 2 milhões de visualizações e foi parar entre os assuntos mais comentados do Twitter. Segundo a própria influencer, em apenas três horas ela recebeu três mil solicitações de amizade e incontáveis manifestações como resposta. A maioria cheias de ódio. “Levei um susto e desativei o perfil do Instagram por 15 dias, pra evitar maiores danos à minha imagem e à dos meus parceiros e patrocinadores”.

Lisa disse que, ao analisar as respostas do público, percebeu que sua fala havia sido descontextualizada. “As pessoas começaram a escrever que eu não acreditava na pandemia e achava que era mentira que gente estava morrendo por causa da Covid. As críticas foram duras. Mas não é isso que penso e quero ter a chance de me explicar”, disse ela.

Discussão entre amigos

A influencer afirmou que postou o vídeo durante uma discussão entre amigos nas redes sociais, sobre a realidade da pandemia em Anápolis. Nessa discussão, havia muitos argumentos contra e à favor da retomada do crescimento econômico e da reabertura do comércio, eliminando gradualmente o distanciamento social. Lisa acredita que exista um exagero da mídia em relação à doença, para criar instabilidade política no país, mas foi categórica ao afirmar que não duvida da existência do novo coronavírus e sua letalidade.

Num dado momento, para defender a postura à favor da retomada das atividades, Lisa disse que não conhecia ninguém que tivesse a doença, tentando mostrar que o problema em Anápolis não é grave a ponto de exigir um 'lockdown'. “Tivemos 11 mortes pela doença em Anápolis e menos de mil infectados e eu realmente não conheço nenhum deles, embora não desmereça a importância dessas pessoas como seres humanos que são. Era só uma discussão entre amigos e eu não quis prejudicar ninguém”, afirmou.

Patrocinadores

Influenciadora digital desde os 18 anos, Lisa tem um variado portifólio de serviços tanto dentro como fora de Anápolis, tendo quase 50 mil seguidores em uma de suas redes sociais. Ao tomarem ciência da repercussão, várias empresas que mantêm vínculo com ela se manifestaram através dessas redes repudiando a ideia passada pelo vídeo. Algumas delas chegaram a anunciar o fim do vínculo com a imagem de lisa ou a suspensão do contrato.

Lisa esclareceu que é um momento muito delicado e que já conversou com cada parceiro em particular para que esse afastamento seja apenas provisório, até que tudo seja esclarecido. “A suspensão ou desligamento ocorre apenas para deixar clara a posição da empresa em apoio ao enfrentamento da pandemia, algo que também apoio e que quero deixar claro”, explicou ela.

Emocionada, a digital influencer chegou a chorar quando falou sobre as críticas feitas na internet. Segundo ela, os pais e amigos estão preocupados sobre até onde pode chegar a raiva ali manifestada. “Meus pais não querem que eu fique no meu apartamento sozinha e meus amigos me ligam o tempo todo para saberem onde estou. As pessoas não fazem ideia do mal que causam com esses julgamentos precipitados”.

Lisa ainda não recebeu ameaças graves ou foi perseguida, mas não descarta a possibilidade de ir à polícia caso isso ocorra. Entretanto, ela acredita que a entrevista cedida possa arrefecer os ânimos das pessoas e deixar a fala dela dentro de seu devido contexto. “Anápolis não sofre o mesmo peso da Covid como Manaus, São Paulo e Rio de Janeiro, graças a Deus. Tenho certeza de que muita gente por aqui também não conhece nenhum dos que morreram ou se contaminaram. Qual foi o mal que causei dizendo isso? E, se causei, me desculpem, mas não façam isso com a minha vida porque tenho dentro de mim que não fiz mal algum a ninguém”, finaliza. Por José Aurélio Soares / Via jornal Contexto


Inscreva-se


Twitter

Instagram Siga nosso Instagram 

Curta a FanPage

Postar um comentário

Comentários