Anápolis: Grávida é morta com corte no pescoço, antes de morrer ela escreveu nome do autor com sangue

janeiro 21, 2020

Um crime brutal foi registrado no final da noite desta segunda-feira, 20, na rua Nova Olinda, bairro Alexandrina em Anápolis

Uma mulher identificada como Lucieninha, grávida de 6 meses, foi morta com um corte no pescoço.

Antes de morrer a vítima ainda conseguiu escrever o nome do possível autor, Marcondes, com o próprio sangue.

O crime aconteceu próximo de uma tradicional lanchonete do bairro, local em que eles estavam minutos antes quando se desentenderam.

Segundo informações preliminares o crime tem ligação com o tráfico, possivelmente por conta de dívida por drogas.

O Suspeito de matar a grávida foi preso ainda de madrugada em casa, enquanto dormia.

De acordo com informações do 28° BPM, equipe responsável pela prisão do autor, ele apresentava vários arranhões no pescoço e estava com as pernas e os pés com resíduos de sangue, provavelmente da vítima.

O homem não esclareceu a motivação do crime.

Ele foi levado à Central de Flagrantes de Anápolis onde foi autuado em flagrante pelo crime de feminicídio e está à disposição do Poder Judiciário.

O caso será investigado pelo Grupo de Investigação de Homicídios (GIH).


Inscreva-se


Twitter

InstagramSiga nosso Instagram

Curta a FanPage
Próxima Postagem
« PRÓXIMA
Postagem Anterior
ANTERIOR »

Deixe seu Comentário: