Banner

Rio Verde: Mulher é morta a tiros pelo ex dentro do carro do atual namorado


Uma mulher, de 48 anos, foi morta a tiros na noite desta segunda-feira, 9, pelo ex-marido dentro do carro do atual namorado, no Bairro Popular, em Rio VerdeSudoeste Goiano

A Polícia Militar foi acionada via copom para atender uma ocorrência de uma pessoa alvejada por disparos de arma de fogo. Ao chegar no local, testemunhas relataram o que aconteceu.

A vítima já havia sido encaminhada para uma unidade de saúde. Os policiais então colheram o depoimento do namorado da mulher, que afirmou que ela já estava sendo ameaçada pelo ex.

Como a mulher foi morta a tiros pelo ex dentro do carro do namorado

Conforme informações de testemunhas, a mulher estava aguardando no banco do passageiro dentro do carro do namorado quando seu ex-marido, Edemilson Florencio da Silva, de 52 anos, se aproximou do veículo a pé. O casal tinha parado em uma pizzaria e, quando o homem desceu para buscar o alimento, o ex cometeu o crime.

Ele estava com um capacete vermelho na cabeça, vestido com uma blusa branca, e disparou algumas vezes contra a vítima, através do vidro. As testemunhas não souberam precisar quantos disparos foram efetuados.

Quando a equipe chegou ao local do crime a mulher já havia sido socorrida pelo namorado, que a levou para a Unidade de Pronto Atendimento. No local, a polícia colheu o depoimento do namorado da vítima, que relatou que ela já estava sendo constantemente ameaçada pelo ex-companheiro.

O homem ainda relatou que, no dia do crime, o filho do autor ligou para eles pedindo que tomassem cuidado, pois o pai estava procurando a mulher para matar. Após cometer o crime, o homem fugiu do local.

Diante dos fatos, a Polícia Técnico-Científica foi acionada para apurar as circunstâncias do crime e realizar a perícia no veículo e na vítima. O homem segue sendo procurado. Ele já possui diversas passagens, pelos crimes de lesão corporal, ameaça, injúria, entre outros. Fonte: Dia Online
__________




Para ver mais vídeos do Canal da Lucieni, se inscrevam:

Postar um comentário

Comentários