Banner

Goianápolis: Idoso é suspeito de estuprar a própria filha


Na época a criança tinha apenas 13 anos e era abusada sexualmente pelo pai

Nesta sexta-feira (8), a Polícia Civil, por meio da Delegacia de Goianápolis, deu cumprimento a mandado de prisão temporária em desfavor de Francisco de Assis Andrade, pelos crimes descritos nos artigos 215-A e 217-A, ambos do Código Penal Brasileiro.

Francisco é acusado de abusar sexualmente de sua filha, S.A.C, desde quando ela tinha apenas 13 anos.

As investigações começaram através de uma denúncia anônima atendida pela Delegacia, onde os policiais de pronto foram averiguar a veracidade da denúncia e, após oitivas de testemunhas e vítima, o delegado Rodrigo Arana, titular da Delegacia de Goianápolis representou pela prisão temporária de Francisco de Assis Andrade, o que foi acatado pelo Poder Judiciário.

De acordo com o delegado Rodrigo Arana, além dos repugnantes abusos sofridos por S.A.C, uma das testemunhas do caso relatou que Francisco em certa feita disse que o primeiro homem de sua filha seria ele.

O inquérito deve ser concluído em até 30 dias e, posteriormente, será encaminhado para o Poder Judiciário. 

Francisco foi recolhido no presidio de Goianápolis.
__________
Publicidade




Para ver mais vídeos do Canal da Lucieni, se inscrevam:

Postar um comentário

Comentários