Anápolis: Ministério da Saúde renova qualificação do Samu

novembro 22, 2018

Várias cidades brasileiras não conseguiram o documento que ainda garante o repasse de recursos

O Samu de Anápolis mais uma vez mostra porque é referência em atendimento. A unidade conseguiu a renovação de qualificação do Ministério da Saúde, ou seja, além da garantia do pleno funcionamento, significa a autorização da transferência de recursos para custeio e também a sinalização de vinda de mais verbas federais. Isso, no momento em que muitas cidades brasileiras não conseguiram renovar essa habilitação. “É uma prova de que estamos no caminho certo”, frisa o prefeito Roberto Naves.

E esse caminho certo é também comprovado pela quantidade de cidades goianas que buscam o Samu de Anápolis como exemplo. A própria Secretaria Estadual de Saúde referencia a unidade anapolina – responsável pelo atendimento em toda Regional Pireneus – para municípios que buscam qualificação e capacitação de seus profissionais na área de urgência e emergência. “Somos procurados sempre para ministrar cursos e capacitações. Esse é um grande retorno do nosso trabalho”, conta a coordenadora do Samu, Eliane Bento.

Todos os municípios da Regional Pireneus absorvem as capacitações do Samu de Anápolis, além de outras cidades goianas, inclusive a capital do Estado. “Já capacitamos equipes no Hospital das Clínicas, por exemplo, e estamos com agenda para Goianésia, onde iremos repetir esse trabalho”, explica a coordenadora. Além disso, a equipe executa várias ações em parceria com o Governo de Goiás e o Corpo de Bombeiros.

Atendimento

O Samu tem como missão prestar atendimento pré-hospitalar de urgência e com excelência à população, e o mais rápido possível. Em Anápolis, o número 192 recebe cerca de cinco mil ligações por mês, que são convertidas em atendimentos à população, seja para orientação, resgate – entre outras situações de urgência e emergência –, quando a pessoa corre risco de morte e/ou possui um agravo traumático ou clínico que requer encaminhamento para o hospital.

Atualmente, a frota do Samu em Anápolis conta com duas ambulâncias de suporte avançado e quatro de suporte básico, além de duas motolâncias. Fazem parte da estrutura a sede com a Central de Regulação, na Avenida JK, e o posto de atendimento, na Vila Jaiara.

A Central de Regulação atende os municípios que compõem a Regional Pireneus. Além de Anápolis, fazem parte Alexânia, Abadiânia, Campo Limpo, Gameleira, Goianápolis, Terezópolis de Goiás, Cocalzinho, Pirenópolis, Corumbá de Goiás, Padre Bernardo e Mimoso de Goiás. Na região, são quase 490 mil habitantes amparados pelo Samu 192.

Fonte: Prefeitura de Anápolis
__________



Para ver mais vídeos do Canal da Lucieni, se inscrevam ››https://www.youtube.com/LucieniCriacoes?sub_confirmation=1

Post: Lucieni Soares
Próxima Postagem
« Próxima
Postagem Anterior
Anterior »

Comente com o Facebook: