Juiz interno pessoal

fevereiro 06, 2018
Por | André Luís, Tiranossaurus Rex
Julgue e condene apenas a si mesmo e terás paz eterna!.
O processo do julgamento só existe através da mecânica da auto-comparação pessoal.
Uma pessoa só pode julgar outra baseada nos seus parâmetros de valores pré-concebidos e suas intuições subconscientemente programadas, além de preceitos aleatórios bem fundamentados em uma das doenças mentais que eu chamo de egoísmo, o que induz à auto-proteção pessoal bem característica de pessoas sem caráter que pretendem esconder os próprios erros acusando outros para desviarem o foco de si mesmas.

O padrão socialmente aceito é a normalidade sentimental, que em hebraico é designada como “Shalwm”, ou seja, Shalom, que traduzido quer dizer Plenitude, mas na tradução popular infectada pelas igrejas malignas Católica, Evangélicas e outras seitas “cristãs”, acaba sendo diluída, pulverizada e diminuída para a simples palavra “Paz”, que é infinitamente inferior à palavra “Shalwm” = Plenitude.
A sociedade está presa na alienação das graduações de escopos enlatados entregues na sua casa pelas mídias sociais, na sua cama pela Televisão, na sua mão pelo conteúdo envenenatório que você escolhe para consumir no seu celular, na sua neuro-metabolização energética (algo muito acima do seu EGO desprezível).

Essa prisão é criada pela própria pessoa que é covarde e cria dentro de si mesma inferências lógico-matemáticas dentro de seus neurônios forjadamente premeditadas para funcionar apenas dentro de seus parâmetros psíquicos, suficientes para si mesma, capazes de determinar dentro de si mesma que é uma pessoa competente ao ponto de determinar que as escolhas alheias são erradas e ponto final!
Esse processo bio-mecânico-matemático do cérebro é baseado nas Leis universais matemáticas que regem a frequência energética científica metabólica presente em tudo, não só nos seres vivos como também nos objetos e coisas que também refletem a mesma e única energia universal.
Dentro dos parâmetros científicos que eu desenvolvi através de uma ampla amostragem de mais de dez mil espécimes, no caso, humanos, nos últimos 30 anos de pesquisa, eu constatei um fato e algumas hipóteses.

O fato é que o ser humano é egoísta por natureza e pretende censurar de qualquer forma quem aponta seus erros, ou seja, na linguagem popular, ninguém aceita críticas, ninguém quer dialogar. O que importa pra essas pessoas é apenas o processo matemático-mecânico-bio-químico-eletro-magnético que essas pessoas resolveram ao alimentar dentro de si suas anomalias e desejos pessoais dentro de si desde crianças sem alguma orientação perita na infância.
Por isso o Hitler, o Stalin, o Castro e os outros líderes genocidas chegaram onde chegaram: por não terem orientação perita na infância! Por isso eles e outros se tornaram juízes executores de milhões de vidas inocentes e indefesas que nem sabiam nada sobre as causas malignas comunistas e nacionalistas que eles estavam advogando...

O que realmente importa para o convívio social é que não existam juízes!

Você não é juiz nem de você mesmo! Como você pode se achar no direito de julgar os outros que você nem conhece os processos bio-químico-energético-comportamental-social-religioso-biológico-matemático-mecânico-eletro-magnético-científico e principalmente o resultante desencadeamento hormonal que é designado como processo sentimental de toda essa cadeia de mecanismos mecânico-matemáticos cerebrais que se resumem nos processos químicos designados cientificamente como SENTIMENTOS?


Você não pode e não tem o direito de julgar os sentimentos alheios usando seus sentimentos como a régua definitiva!

Use apenas argumentos matemáticos calculando as descargas hormonais para diagnosticar cada variação hormonal / sentimental e suas variáveis sociais para determinar que você não tem como julgar nem a si mesmo!

Tudo o que é você e tudo o que é proveniente de você, ou seja, suas produções ou propriedades, também são você, também pertencem à você, também são seus e devem ser respeitados como sendo parte de você! (Lei 9.610, Lei dos Direitos Autorais).

O que pode ser realmente julgado é a agressão física. O resto são subjetividades com outras particularidades também condenáveis em Lei, mas não dignas de condenação popular por extrapolação sentimental totalmente não condizentes com a lógica matemática!
Como dizem: “a voz do povo é a voz de Deus”, quer dizer, isso é mentira ademais essa conjunção não é lógica nem muito menos moral!

Um roubo é uma agressão física. Um estupro é uma agressão física. Uma agressão física é sim uma agressão física. Um contato físico de qualquer espécie sem consentimento é uma agressão física. Uma fraude documental que tira os bens do seu legítimo possuidor é sim uma agressão física. Uma manipulação no mercado financeiro é uma agressão física sim pois agride a propriedade alheia! Uma violação de propriedade intelectual é sim uma agressão física, pois a pessoa dedicou a vida inteira à criação de algo que vai ser consumido por pessoas que não se dedicaram a criar nada e são apenas consumidores de criações criadas por criadores, por isso é uma agressão física contra quem dedicou sua vida física a desenvolver algo a favor de todos que não se prestam a pensar nas simples soluções que salvam o mundo.

Roubar ou se deixar corromper com dinheiro alheio é uma crassa trapassa, é uma agressão física contra todos que dedicaram seu esforço físico compartilhando um pouco do seu suor na boa intenção de ter retorno legítimo do seu próprio trabalho em benefício próprio!
Existem “zilhões” de formas de alguém agredir outra pessoa pessoalmente subtraindo suas propriedades, se apropriando de suas produções, criações, trabalhos e propriedades particulares, incluindo suas vidas pessoais e seus corpos, em casos de doentes mentais mais agressivos acometidos com a doença mental do egoísmo em estados mais crônicos capazes de matar, roubar, sequestrar, estuprar, ameaçar, chantagear e destruir quem discorde de posições diferentes de sua doença mental egoísta.

Cada vez que você julga alguém sem dar a essa pessoa o seu direito amplo e legítimo de defesa você está sendo apenas um ditador, sanguinário, psicopata, impositor, censurador, assassino, e destruidor que não respeita em nenhum parâmetro a pessoa que você julgou e condenou e já teria a fórmula mágica para executar quem te julgou, na sua mente doentia, se vc pudesse ser o ditador universal!
O Criador Yahwah não julga nem executa: ele apenas deixa as Leis energéticas universais fazerem o bem atrair o bem e o mal atrair o mal. Essa é a mecânica matemática universal!

Cada um de vocês é o juiz interno pessoal de si mesmo: Com o mesmo julgamento que você julgar você será julgado pelo universo! Sua régua vai servir apenas para medir a forma como você será medido pelas Leis cósmicas! A matemática não erra nunca! Cuidado, você é apenas o juiz interno somente de si mesmo! Você não pode julgar ninguém além de você mesmo ou além de você mesma! Se liga! Enquanto você julga você se distancia da fonte absoluta do amor, se você julga os outros você já está fora da harmonia amorosa universal!

Como disse o mensageiro celestial enviado por Yahwah: “não julgueis e não sereis julgados, não condeneis e não sereis condenados; soltai e soltar-vos-ão; dai e ser-vos-à dada boa medida, excelente, recalcada, sacodida e transbordante e vos deitarão ao vosso regaço, pois com a mesma medida com que medirdes também vos medirão de novo.

>ANTERIOR DE ANDRÉ LUÍS<

André Luís, pseudônimo: Tiranossaurus Rex – Embaixador Mundial da Paz, membro da organização imperial mundial: Royal Society Group / publicitário / inventor / filósofo / músico / integrante da Royal Academy International / registrado na sucursal da Organização das Nações Unidas (ONU) em Bonn, na Alemanha, sob o número de registro 849.381 / membro da Royal Society of Science, Art and Design / membro honorário das seguintes ordens cavaleirescas mundiais: Ordem dos Cavaleiros Templários; Cavaleiros Sarmathianos da Ásia Central; Cavaleiros de Malta; Cavaleiros Teutônicos da Alemanha; Cavaleiros Hospitalários de Jerusalém / também membro e integrante de diversas outras ordens imperiais, cavaleirescas e diplomáticas mundiais / membro da Federação Brasileira dos Acadêmicos das Ciências, Letras e Artes: advertisingpropaganda@gmail.com
__________


Blog O Centroeste
ENVIE SUA SUGESTÃO DE PAUTA OU DENÚNCIA
Trabalhamos com Assessoria Comunicação, Cobertura Fotográfica & Jornalística
Publicamos Editais, Editoriais, Publieditoriais, artigos e notas
Anuncie Conosco - Acesse o 'Contato' agora mesmo e saiba mais

TWITTER             InstagramSiga nosso Instagram

Curta a FanPage
Próxima Postagem
« Próxima
Postagem Anterior
Anterior »

Comente com o Facebook: